http://elizane.no.comunidades.net 
Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
AMOR DE MÃE NA INFÂNCIA É FUNDAMENTAL
AMOR DE MÃE NA INFÂNCIA É FUNDAMENTAL

CARINHO DE MÃE NA INFÂNCIA AJUDA MUITO NA VIDA ADULTA:Abraços e beijos contribuem para a saúde emocional,mas a criação e escolaridadade não podem ser excluídos.Um estudo feito nos Estados Unidos indica que pessoas que recebem carinho em abundância de suas mães quando bebês são mais capazes de lidar com pressões da vida adulta.A pesquisa,divulgada pela puplicação científica"Journal of Epidemiology and Community Health",foi feita em 482 moradores do Estado norte-americano de Rhode Island (Noroeste do país),que foram avaliados quando crianças na vida adulta.Os cientistas disseram que os abraços,beijos e declarações de afeto da mãe tem efeito aparentemente em longo prazo e tendem a gerar um vínculo sólido com o bebê,contribuindo para a saúde emocional das pessoas.Segundo os pesquisadores,o vínculo sólido entre mãe e bebê não apenas diminui o estresse da criança como também a ajuda a desenvolver recursos que auxiliarão em suas interações sociais e na vida de maneira geral.Como parte do estudo,psicólogos avaliaram a qualidade das interações entre as mães e seus bebês de 8 meses durante uma consulta médica de rotina.O  psicólogo analisou quão bem a mãe respondia às emoções e necessidades da criança,atribuindo uma " nota de afeição " à mãe baseada nas características da interação.Do total dos 482 casos acompanhados,uma em cada dez mães apresentou níveis baixos de afeição em relação ao bebê.A maioria (85%,ou 409 mães)demonstrou níveis normais de afeição, e 6%(27) mostraram níveis bastante altos.Trinta anos mais tarde,os pesquisadores entraram em contato com às crianças,agora adultos,e as convidaram a participar de uma pesquisa sobre seu bem-estar e emoções.Elas preencheram questionários que incluiram perguntas sobre sintomas específicos,como ansiedade e hostilidade,e também sobre níveis gerais de estresse.Também foi perguntado aos paricipantes se eles acham que suas mães tinham lhes dado afeto.Ao analisar os dados,os pesquisadores verificaram que as crianças cujas as mães se mostraram mais afetuosas aos 8 meses de idade apresentavam os menores índices de ansiedade,hostilidade e pertubação geral.ESTRESSE SOB CONTROLE:A equipe de pesquisadores concluiu que crianças que receberam grandes doses de afeição se revelaram mais capazes de lidar com todos os tipos de estresse.Em particular,participantes cujas as mães eram calorosas parecem lidar melhor com a ansiedade do que os que tinham mães frias.A equipe acrescenta,no entanto,que a influência de outros fatores,como personalidade,criação e escolaridade,não pode ser excluída.

Translate this Page
ENQUETE
QUAL FOI O ÚLTIMO PAÍS A ENTROU NO GRUPO DO G20?
URUGUAI
BOLÍVIA
IRLANDA
FRANÇA
BRASIL
VENEZUELA
ARGENTINA
IRAQUE
Ver Resultados

Rating: 3.0/5 (232 votos)




ONLINE
1




Partilhe este Site...



Baixe o Flash Player para executar...



Total de visitas: 38125